Nova Vida, Nova Esperança

Rádio Online

“ O impossível  está a um passo da nossa superação

a  partir do momento em que nos superamos, algo

de impossível se realiza.”


Você está Aqui:Início seta Mensagem de Esperança seta Deus existe mesmo? IV Parte
  •  
  •  
  •  
  •  
  • default color
  • green color
  • blue color
Deus existe mesmo? IV Parte PDF Imprimir e-mail
Escrito por Gonçalo Câmara   
21-Nov-2008
ReadSpeaker webReader

Deus existe mesmo? Como podemos saber? Se Deus fez tudo,

quem fez Deus?

Mais problemas

Cientistas têm descoberto que, com a célula, há milhares das que podem ser chamadas de ‘máquinas bioquímicas’. Todas estas partes têm de estar no lugar simultaneamente ou a célula não pode funcionar. Coisas que foram tidas como sendo simples mecanismos, como ser capaz de absorver luz e convertê-la em impulsos elétricos, são de fato altamente complicadas.

Visto que a vida é construída nestas máquinas, a idéia de que processos naturais poderiam ter feito um sistema vivo é insustentável. O bioquímico Dr. Michael Behe usa o termo “complexidade irredutível” ao descrever tais “máquinas” bioquímicas.

‘. . . sistemas de horrenda e irredutível complexidade habitam a célula. O pensamento resultante de que a vida foi designada por uma inteligência é chocante para nós do século vinte, que nos acostumamos a pensar da vida como resultado de simples leis naturais. Mas outros séculos tiveram seus choques, e não há razão em supor que nós deveríamos escapar deles.’12

Richard Dawkins reconhece este problema de falta de “maquinaria” para começar quando ele declara:

‘A teoria do relojoeiro cego é extremamente poderosa, dado que nós somos autorizados a assumir replicação e disso seleção cumulativa. Mas se replicação necessita de maquinaria complexa, visto que o único caminho que nós conhecemos para maquinaria complexa no final das contas vem à existência é seleção cumulativa, nós temos um problema.’13

Um problema realmente! Quanto mais nós olhamos nos mecanismos da vida, mais complicado fica, e mais nós vemos que a vida não poderia surgir por ela mesma. Não somente é necessário uma fonte de informação, mas as complexas maquinas da química da vida precisam vir à existência logo no início!

Um problema maior ainda

Alguns ainda tentam insistir que a maquinaria da primeira célula poderia ter surgido por pura chance. Por exemplo, dizem eles, por aleatoriamente desenhar letras do alfabeto em seqüência da palavra “faca”, às vezes você conseguirá uma palavra simples como “VACA”.14 Assim, em longos períodos de tempo, por que não teríamos até mesmo mais complexas informações surgidas por chance?

Contudo, o que a palavra “VACA” significa para um alemão ou chinês? O fato é que uma ordem de letras não tem significado a não ser que exista uma linguagem convencional e um sistema de tradução no lugar que faz disto algo com significado.

Em uma célula, existe tal sistema (outras moléculas) que faz a ordem no DNA significativa. O DNA, sem o sistema de linguagem/tradução não tem significado, e estes sistemas, sem o DNA, não funcionariam também.

A outra complicação é que a maquinaria tradutora que lê a ordem de ‘letras’ no DNA é a si mesma especificada pelo DNA! Ela é outra daquelas ‘máquinas’ que necessitam serem totalmente formadas, ou a vida não funcionaria.

Pode a informação surgir da não-informação?

Dr. Werner Gitt, diretor e professor no Instituto Federal Alemão de Física e Tecnologia, diz claramente que uma das coisas que nós sabemos claramente na ciência, é que informação não pode surgir da desordem por chance. Ela sempre pega (maior) informação para produzir informação e, no fim das contas, a informação é resultado da inteligência:

‘Um sistema de código é sempre o resultado de um processo mental (isto requer origem inteligente ou inventor)... Deveria ser enfatizado que matéria como ela é não é capaz de gerar nenhum código. Todas as experiências indicam que um ser pensante, exercendo voluntariamente a sua livre vontade, cognição e criatividade é requerido.’15

‘Não existe nenhuma lei natural conhecida através da qual matéria pode dar origem a informação, e nem há algum processo físico ou fenômeno material conhecido que possa fazê-lo.’16




Partilhe este artigo:
Digg!Del.icio.us!Google!Live!Facebook!Technorati!StumbleUpon!Yahoo!Squidoo!
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

Sobre o NovaVidaNova.com

Neste site pretendo que você venha a encontrar uma voz amiga. Onde possa ganhar força e esperança nas suas lutas do dia-a-dia.

Sempre que precisar pode-me contactar, estarei ao seus dispor.

Pastor Gonçalo.