Nova Vida, Nova Esperança

Rádio Online

  " Ainda que ande pelo vale da sombra da morte,

     não temerei mal nenhum, porque Tu estás comigo..."

                                                                                                    
                                                     Salmos 23.4 


Você está Aqui:Início seta Palavra de Fé seta O segredo da comunhão diária 2ª parte
  •  
  •  
  •  
  •  
  • default color
  • green color
  • blue color
O segredo da comunhão diária 2ª parte PDF Imprimir e-mail
Escrito por Gonçalo Câmara   
13-Set-2012
ReadSpeaker webReader
 

As orações do povo de Deus são parte vital da execução do Seu plano na Terra.

 

  Determinou Deus que tivessem os homens a seu dispor os recursos do céu. É-me dado todo o poder no céu e na terra, disse Jesus:  

   

- Ide por todo o mundo, pregai o Evangelho a toda a criatura. Assim como o Pai me enviou, assim também eu vos envio. Pode a Igreja empreender tarefa de tamanho vulto porque todo o poder lhe está ao alcance, mas somente daqueles que diariamente mantém comunhão com Deus.

 

 

 

 O pão nosso de cada dia dá-nos hoje.

 

Não nos mandou Jesus orar por um ano de abastecimento, nem por um mês, nem mesmo por uma semana. Ele quer que diariamente estejamos dependentes d’Ele, quer que diariamente sintamos carecer da força da Sua presença, do Seu poder sustentador.

 

 

 

    O MANÁ DE TODO DIA

 

 

 

 A  grande lição da dependência de Deus, aprendemo-la no conceder do maná aos filhos de Israel. Iriam receber provisão suficiente só para um dia. Ninguém podia suprir-se dele para alguns dias nem o acumular para o futuro. Os que tentaram fazê-lo verificaram que o maná gerava germes, e se tornava impróprio para consumo humano.

 

 Há um erro comum no qual incidem muitos cristãos. Preferem obter uma cura que podem perder, à saúde que se deriva da dependência diária do poder vivificador do Espírito Santo de Deus. Preferem, antes, uma segurança financeira que não os force a buscar diariamente o aposento secreto, para ali rogarem a Deus que lhes supra as necessidades. Desejam receber um batismo do Espírito Santo que não requeira deles buscar a Deus dia-a-dia para uma nova unção. Tais desejos, porém, não se coadunam com o propósito de Deus.

 



Partilhe este artigo:
Digg!Del.icio.us!Google!Live!Facebook!Technorati!StumbleUpon!Yahoo!Squidoo!
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

Sobre o NovaVidaNova.com

Neste site pretendo que você venha a encontrar uma voz amiga. Onde possa ganhar força e esperança nas suas lutas do dia-a-dia.

Sempre que precisar pode-me contactar, estarei ao seus dispor.

Pastor Gonçalo.