Nova Vida, Nova Esperança

Rádio Online

"  Volta para mim e tem compaixão,
porque estou sozinho e aflito."      salmos 25, 16

"Alivia-me as tribulações do coração;
tira-em das minhas angústias.    salmo 25, 17


Você está Aqui:Início seta Palavra de Fé seta A LIGAÇÃO
  •  
  •  
  •  
  •  
  • default color
  • green color
  • blue color
A LIGAÇÃO PDF Imprimir e-mail
Escrito por Gonçalo Câmara   
17-Abr-2013
ReadSpeaker webReader

Você saberá que foi bem-sucedido enquanto pai quando os seus filhos forem capazes de o deixar e construir uma vida de sucesso sozinhos.

Você nunca se desligará deles, mas chega um momento em que tem de cortar o "cordão umbilical" e deixar que eles se aguentem sozinhos. Lembre-se de que os filhos que está a criar agora pertenceram a Cristo antes de lhe pertencerem a si: "Do Senhor é a terra [...] o mundo e aqueles que nele habitam" (Salmos 24:1). Você é o professor, não o dono, e a sua oportunidade de os ensinar é incrivelmente breve. Os seus filhos foram feitos para "deixar" não para ficar. Não pode controlar o bater do relógio biológico deles. O seu trabalho é prepará-los para o deixarem. Durante os próximos dias vamos falar sobre dar aos seus filhos raízes e asas.
"Raízes" - Antes de os frutos se desenvolverem as raízes têm de pegar. E raízes saudáveis requerem solo saudável, com os elementos certos para alimentar e proteger as plantas. As raízes também dependem da ligação ao solo. Existem dois tipos de famílias. A primeira oferece "ligação insegura". A sua ligação pais-filhos é ambígua, ambivalente, indiferente ou até negligente, levando os filhos a sentirem-se emocionalmente desprotegidos, sem saberem ao certo se são queridos e amados, embora precisem desesperadamente de ambas as coisas. Aos filhos desta relação falta confiança, autoestima, força emocional e coragem para correr riscos. A segunda oferece uma "ligação segura". A ligação entre pais e filhos é demonstrada e constantemente reforçada. Mesmo durante as necessárias ausências, os seus filhos sentem-se seguros e ligados. Estes filhos tornam-se pessoas espiritual, social e emocionalmente capazes com a autoestima e coragem necessárias para enfrentar os desafios que a vida coloca no seu caminho.



Partilhe este artigo:
Digg!Del.icio.us!Google!Live!Facebook!Technorati!StumbleUpon!Yahoo!Squidoo!
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

Sobre o NovaVidaNova.com

Neste site pretendo que você venha a encontrar uma voz amiga. Onde possa ganhar força e esperança nas suas lutas do dia-a-dia.

Sempre que precisar pode-me contactar, estarei ao seus dispor.

Pastor Gonçalo.