Nova Vida, Nova Esperança

Rádio Online

  " Ainda que ande pelo vale da sombra da morte,

     não temerei mal nenhum, porque Tu estás comigo..."

                                                                                                    
                                                     Salmos 23.4 


Você está Aqui:Início seta Receitas seta Alheiras à moda Aguiar
  •  
  •  
  •  
  •  
  • default color
  • green color
  • blue color
Alheiras à moda Aguiar PDF Imprimir e-mail
Escrito por Gonçalo Câmara   
11-Jul-2008
ReadSpeaker webReader

Alheiras à moda Aguiar


200 g carne de vaca
                         1 kg pão caseiro
                           q .b. piripiri em pó
                      150 g presunto
                                    galinha caseira (gorda)
                          osso(s) de porco
                          1 cabeça de alho
                          1 c. sopa colorau
                   1 ramo salsa
                                                     1 tripa(s) seca(s) para enchidos
                      200 g toucinho
         q.b. sal

                              

Estas quantidades dão para cerca de 12 alheiras. E 1 liaça de tripa seca dá para 3 dúzias de alheiras.

1. Coza todas as carnes e os ossos de porco em água suficiente para as cobrir, (de modo a obter no final da cozedura um caldo gordo e forte) e também com os alhos descascados, o piri-piri, a salsa e sal.

2. À medida que as carnes forem ficando cozidas, retire-as, e desfie-as muito bem; esmague a parte gorda do toucinho e desfie a carne, podendo o courato ser picado com a faca.

3. Demolhe e lave muito bem a tripa seca.

4. Corte o pão em fatias finas para um alguidar.

5. Quando as carnes estiverem todas cozidas, regue o pão com o caldo quente e tape-o com um pano durante alguns minutos.

6. Depois desfaça muito bem o pão com uma colher de pau e, junte-lhe as carnes desfiadas e uma colher de (sopa) de colorau, mexendo bem; se estiver muito rijo, junte-lhe um pouco de caldo, mas pouco, pois deve obter uma espécie de açorda rija.

7. Rectifique os temperos e encha as tripas enquanto o recheio está quente, quando frio custa a trabalhar.

8. Vá enchendo, atando e cortando as alheiras com 15 cm de comprimento. Não se esqueça de as atar bem nas pontas.

9. Depois de prontas, convém deixá-las no fumeiro se possível, ou no frigorífico durante 1 ou 2 dias.






Partilhe este artigo:
Digg!Del.icio.us!Google!Live!Facebook!Technorati!StumbleUpon!Yahoo!Squidoo!
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

Sobre o NovaVidaNova.com

Neste site pretendo que você venha a encontrar uma voz amiga. Onde possa ganhar força e esperança nas suas lutas do dia-a-dia.

Sempre que precisar pode-me contactar, estarei ao seus dispor.

Pastor Gonçalo.